Powered by WP Bannerize

Notícias

Florinda quer fazer filme sobre romance com “Chaves”, sem citar traiçoes


Publicado em: 10/12/2014
 

Sem citar casos extraconjugais, Florinda Meza quer levar romance com Roberto Bolaños ao cinema

 

 

Florinda Meza, viúva de Roberto Gómez Bolaños, planeja levar a história de amor do que teve com o criador do seriado “Chaves” para o cinema. A intérprete da Dona Florinda da série, que ficou casada com o humorista por 37 anos, quer produzir uma comédia sobre o romance entre ela e o ator, que faleceu no último dia 28. Entretanto, ao que tudo indica, a parte em que Florinda namorou Bolaños quando ele ainda era casado com sua primeira esposa, Graciela Fernández, deverá ficar de fora do longa.

Segundo o portal “Esmas”, da rede mexicana Televisa, a ideia é contar como os dois se conheceram, quando ela tinha 22 anos e ele, 41, e mostrar a frustração de Florinda em nunca ter tido um filho com o artista. Isso porque Bolaños fez vasectomia após ter seis filhos com a primeira mulher. Cheia de planos, Florinda Meza também pretende levar para a Broadway uma comédia musical escrita pelo marido sobre a mãe de Charlie Chaplin (1889-1977), uma homenagem ao comediante britânico que é uma das influências do mexicano.

Em tempo: No último sábado (6), Maria Antonieta de las Nieves, intérprete da Chiquinha no seriado “Chaves”, revelou intimidades de Florinda nos bastidores do seriado. Segundo a atriz, a ex-colega namorou Bolaños e Carlos Villagrán, o Quico, quando eles ainda eram casados, e também teve um caso com Enrique Segoviano, produtor e diretor da série.

 

 



Pelé recebe alta e, com bom humor, relata ‘susto’


Publicado em: 10/12/2014
 

Aos 74 anos, ele foi liberado após 15 dias tratando de uma infecção urinária

 

Tranquilo e bem humorado, Pelé concedeu entrevista nesta terça-feira no hospital Albert Einstein, em São Paulo, de onde recebeu alta após duas semanas internado cuidando de uma infecção urinária. Além de piadas, Pelé contou que tirou um rim ainda nos anos 1970, quando jogava no New York Cosmos (EUA). O ex-jogador de 74 anos admitiu ter se assustado com a gravidade da situação, mas disse estar se sentindo bem e agradeceu pelo apoio recebido nos últimos dias. Pelé ficará alguns dias repousando em São Paulo e depois seguirá para sua casa em Santos.

Pelé em campo, 1989

 

“Queria agradecer à equipe médica que me acompanhou nessas duas semanas. Realmente foi um susto. Estava em Santos preparado para ir ao Museu Pelé quando tive um segundo problema e não pude atender a assinatura de autógrafos que tinha em Santos. Fiquei emocionado e surpreso porque recebi mensagens da China, do Paquistão, de quase todos os países da Europa. Não sabia que todos estavam atentos ao meu problema. É bom saber que, além do apoio de Deus, temos o de tanta gente, que torcia para que minha situação melhorasse”, afirmou o maior atleta de todos os tempos.

Em Cannes, França, para o Festival de Cinema de 1977

Pelé deu detalhes sobre a inusitada retirada de um rim, fato ocorrido na década de 70, mas que só se tornou público após sua última internação. Ele contou que levou uma joelhada numa disputa de bola e uma costela perfurou seu rim, quando ainda jogava na no Santos. “Não é que eu tenha escondido esse fato, realmente todo mundo ficou surpreso porque tive uma fratura aqui no Brasil, uma joelhada que levei na décima segunda vértebra, que perfurou o rim. Quando eu fui para o Cosmos, continuei jogando, mas comecei a sentir febre. O médico falou que eu estava jogando há um tempão com um rim só, que eu tinha dois, mas um não funcionava. Foi quando fiz uma cirurgia em Nova York, por isso ninguém ficou sabendo”, revelou.

O rei do futebol falou sobre os momentos mais críticos vividos antes de sua internação, mas disse que não teve medo de morrer. “Foi uma surpresa. Eu tive alguns calafrios, mas era coisa que já tinha sentido outras vezes e não sabia que poderia ser uma infecção. Pensei que ia passar logo, mas não foi como eu esperava. Fiquei preocupado, mas não fiquei com medo de morrer porque sou um homem de Três Corações”, brincou, em referência ao nome de sua cidade natal, em Minas Gerais. Pelé, que durante a sua gloriosa carreira sempre esbanjou muita vitalidade, admitiu ter se surpreendido com a sequência de problemas de saúde. “Tive uma operação no fêmur, depois teve o problema de pedra no rim. Pensei: ‘Opa, acho que Deus está esquecendo de mim’. Em trinta anos de carreira, viajando o tempo todo, nunca tinha acontecido algo assim, uma em cima da outra.”

Em 14 de dezembro de 1969, Pelé comemora seu milésimo gol

Em menos de meia hora de conversa com a imprensa, Pelé ainda deu detalhes de como passou o último fim de semana: assistindo a rodada do Brasileirão. “Foi emocionante, o futebol emociona qualquer um. Foi legal ver os torcedores do Palmeiras sofrendo, também o Vasquinho. E do outro lado a festa em Minas, com o Cruzeiro campeão. Como é a vida, né? Uns festejando, outros chorando. Foi bem emocionante.” E terminou com mais uma piada: “É bom lembrar que na Olimpíada podem entrar na seleção até três jogadores profissionais… Eu sou um deles.”

 

Fonte: http://veja.abril.com.br/

 



Presos em assalto a relojoaria engoliram joias para tentar lucrar com ação


Publicado em: 10/12/2014
 

Os três suspeitos estão no Hospital Regional Antônio Dias e ação foi comprovada por raio-X.

 

Os três homens que fizeram reféns na manhã desta terça-feira (09) em uma relojoaria no Centro de Patos de Minas engoliram joias antes de se entregar a polícia. Os criminosos passam por exames no Hospital Regional Antônio Dias e os médicos já conseguiram localizar as joias através de um exame de raio X.

Segundo o delegado Luís Mauro Sampaio, a polícia desconfiou que os presos pudessem ter engolido joias ou qualquer outro material da relojoaria. Diante disso, os militares levaram os presos para o Hospital Regional Antônio Dias, onde um exame de raio-X comprovou que os três engoliram os objetos.

O delegado falou ainda que os presos vão responder por tentativa de roubo qualificado pelo uso de arma de fogo e concurso de pessoas, além de cárcere privado ou sequestro mediante extorsão. Luís Mauro destaca que a pena é grande e que não acredita que os suspeitos possam retornar a cometer pela terceira vez um roubo na relojoaria.

O delegado ressaltou também que se voltarem a cometer o assalto, os bandidos serão presos novamente, assim como aconteceu nas duas vezes que fizeram esta ação criminosa.

 

Luiz Fernando de Oliveira (24).Luiz Fernando de Oliveira (24).
Joel Rodrigues da Silva (22).Joel Rodrigues da Silva (22).
Alisson Silva Ferreira (24).Alisson Silva Ferreira (24).

Autor: Igor Nunes/Patosnoticias.

 

 

 

 



Assaltantes liberam os sete reféns e se entregam após 4 horas de tensão em Patos de Minas


Publicado em: 10/12/2014
 

O assalto que parou o centro de Patos de Minas nesta terça-feira (09) não poderia terminar melhor. Com toda área isolada, os três criminosos foram presos e os sete reféns salvos.O clima de tensão que durou mais de 4 horas deu lugar a muita emoção.

De acordo com o Delegado Luís Mauro Sampaio, o crime foi praticado por três indivíduos:Joel Rodrigues da Silva, 22 anos, Alisson Tiago Silva Ferreira, 24 anos, e Luís Fernando de Oliveira, 24 anos.Armados, eles renderam os seis funcionários e um cliente e foram pegando tudo que viam pela frente. Eles quebraram o disco rígido das câmeras de segurança para evitar a gravação.

Wilson Sebastião Braga, da cidade de Lagoa Formosa, foi um dos reféns dos bandidos. Ele disse que os criminosos arrancaram o cordão de seu pescoço e proferiram diversas ameaças. “Os bandidos falaram que iriam matar toda a família de quem os entregasse”, contou.

Mais calmo, ele disse que viveu momentos de pânico no interior da loja. O advogado Brian Epstein foi chamado pelos criminosos e contribuiu com as negociações. O delegado agradeceu o apoio de todos envolvidos no trabalho que foi concluído com sucesso.

O Tenente Coronel Campos ressaltou o profissionalismo que foi conduzida a operação. Ele informou que, durante a negociação com os criminosos, os policiais notaram que eles poderiam estar sob efeito de droga e por isso prolongaram as negociações até passar o efeito.

Alisson e Luís Fernando são de Montes Claros e Joel é de Patos de Minas. O coronel contou que um deles participou do assalto na mesma relojoaria no ano de 2012. E uma situação levantada pelas vítimas deixou todos em perplexidade. Mais tranquilas, elas disseram que os criminosos falaram que vão retornar à relojoaria. Eles disseram que a turma deles é grande e enquanto uns estão presos os outros estão na rua.

A perícia técnica da Polícia Civil foi até o local e vai coletar o máximo de provas para conseguir a condenação. A perícia também tentará recuperar as imagens das câmeras. Um exame de raio X ainda será realizado nos autores para saber se eles engoliram alguma joia ou material ilícito.

Duas bolsas cheias de joias, já preparadas para serem roubadas, foram apreendidas pelos policiais. A Polícia Militar juntamente com as vítimas trabalham para separar o material. Um revólver calibre 38 com 3 munições foi apreendido. O delegado Luíz Mauro disse que está analisando as condutas do trio para saber quais os crimes eles praticaram.

Autor: Farley Rocha

 



Atriz de Chiquinha revela casos amorosos da viúva de Bolaños; relembre polêmicas


Publicado em: 09/12/2014
 

MARIA ANTONIETA DE LAS NIEVES ABRIU O JOGO SOBRE BASTIDORES DE “CHAVES”

 

 

Maria Antonieta de las Nieves revelou alguns segredos obscuros da vida de Florinda Meza, em entrevista ao programa de TV peruano “Magaly Medina”, no último sábado (6).

A intérprete da personagem Chiquinha, do seriado “Chaves”, contou que a viúva de Roberto Gómez Bolaños teve um caso com o humorista na época em que ele ainda era casado com Graciela Fernández, sua primeira esposa.

Antonieta disse ter ficado triste quando soube que ela estava sendo traída, pois a considerava uma mulher incrível.

“Para mim, foi muito difícil a relação deles. Cada um faz o que quer da sua vida, o que mais lhe agrada, mas quando machucam uma pessoa que você adora, aí sim, dói, e me doeu muito. Ele não merecia uma mulher maravilhosa, íntegra, supercatólica, amante do marido e dos filhos, uma mulher como ela havia muito poucas”, desabafou.

A apresentadora peruana, então, questionou Chiquinha: “Você quer dizer que Florinda Meza se intrometeu em um casamento, afastou o marido da primeira esposa?” Maria Antonieta de las Nieves foi curta e grossa: “Sim”.

A atriz revelou ainda que Florinda se relacionou com Carlos Villagrán quando ele também era casado, durante as gravações do programa, no início dos anos 1970, e negou que o ator teria brigado com Bolaños por causa dela.”

Foi antes [de Bolaños]. Nunca os vi discutirem por isso, jamais, porque Quico era muito namorador, ainda que ele também estava casado. Já conheci três ou quatro namoradas de Quico, três esposas.”

“Quer dizer que Florinda Meza estava com Carlos Villagrán quando estava casado também?”, perguntou a apresentadora novamente. “Sim”, respondeu a atriz.

E ainda tem mais! Maria Antonieta contou também sobre um terceiro suposto relacionamento de Florinda com o produtor e diretor de “Chaves”, Enrique Segoviano, braço-direito de Bolaños nas gravações.

“Ela também esteve andando com Enrique Segoviano, que era o produtor do programa. Não era casado, era solteiro, mas com ele poderia ter casado”, emendou.

Por fim, Chiquinha disse que Florinda protegia demais Roberto Gómez Bolaños, impedindo qualquer aproximação da imprensa e de ex-integrantes do elenco de “Chaves” em seus últimos dias de vida.

“Que maravilha ter encontrado uma segunda mulher que o queria, mas uma mulher que corta a liberdade do marido para tudo deve ser algo muito difícil”, lamentou.

 

Fonte: http://www.msn.com/