Powered by WP Bannerize

Mexicanos celebram 40 anos de consagração da Basílica da Virgem de Guadalupe

Publicado em: 15/10/2016
 

om uma Missa presidida pelo Arcebispo do México, Cardeal Norberto Rivera Carrera, os fiéis mexicanos celebraram na última quarta-feira os 40 anos da consagração da Basílica de Nossa Senhora de Guadalupe, o templo mariano mais importante da América, visitado por Santa Teresa de Calcutá, São João Paulo II, o Cardeal Joseph Ratzinger (hoje Bento XVI) e o Papa Francisco.

 

O templo está localizado na Villa Guadalupe, junto com a basílica antiga e outras igrejas, como a ermida localizada no Tepeyac, a qual recorda a aparição da Virgem a São Juan Diego em 1531.

 

No mesmo ano, o bispo Frei Juan de Zumárraga mandou construir uma simples ermida de tijolo, para onde foi levada a imagem sagrada no dia 26 de dezembro.

 

Entretanto, em 1556 a ermida já era insuficiente e foi ampliada pelo segundo Arcebispo do México, Dom Alonso de Montufar, mas a devoção continuou crescendo e o Conselho da Catedral dispôs em 29 de agosto de 1600 que fosse colocada a primeira pedra para a construção de um novo templo, que seria o primeiro santuário, concluído em 1614.

 

No dia 27 de abril de 1709, foi abençoado o segundo santuário, embora tenha tido modificações, atualmente é conhecido como a Basílica antiga de Guadalupe. Devido a alguns problemas na sua estrutura, foi tomada a decisão de construir a Basílica atual.

 

A Basílica antiga foi fechada para ser restaurada. E foi aberta novamente no dia 5 de maio de 2009 como Templo Expiatório a Cristo Rei.

 

A primeira pedra do novo santuário foi colocada no dia 12 de dezembro de 1974. O templo acolhe cerca de 10.500 pessoas, contando com as nove capelas superiores. Além disso, tem um órgão monumental para 16.000 vozes.

 

O santuário foi abençoado pelo Arcebispo do México, Cardeal Miguel Darío Miranda. Dois Papas celebraram missa nesta Basílica: São João Paulo II e o Papa Francisco. Também foi visitada pelo Papa Bento XVI, quando ainda era Cardeal.

 

Além disso, São Juan Diego foi canonizado neste santuário, onde também foi beatificado o Pe. Ermo y Parres, os Três Meninos Mártires de Tlaxcala, os dois Mártires Fiscais de Cajonos e a Madre Maria Inês Teresa Árias.

Neste Santuário são realizadas incontáveis peregrinações e dentro dele foram colocadas as bandeiras dos países americanos e de outros como Espanha, Polônia e Filipinas.

 

A Festa da Virgem de Guadalupe é celebrada no dia 12 de dezembro e durante esse mês o Santuário recebe aproximadamente de 6 a 8 milhões de pessoas. Em todo o ano é visitado por 20 milhões de peregrinos. É o santuário mariano mais visitado do mundo.

 

  • acidigital