Powered by WP Bannerize

Médico patrocinense morre na França

Publicado em: 19/07/2015
 

Ele ficou vários dias internado depois de sofrer um acidente.

O comerciante Amir Botelho, proprietário há mais de 40 anos da Lanchonete do Terminal Rodoviário confirmou a reportagem do Patrocínio Online a morte de seu filho Kênio Dias Botelho, 42 anos, na França.

Kênio era médico nefrologista em Brasília (DF) onde mora também sua irmã, a nutricionista Kelly Dias Botelho que se encontra na França desde o acidente com o irmão e vai cuidar do translado do corpo para o Brasil e depois para sua terra natal Patrocínio (MG).

Segundo o pai, há 15 dias ele caiu de uma escada no hotel onde estava em Paris onde permaneceu internado em um hospital local e mesmo apesar de todos cuidados médicos, não resistiu e morreu..

Kênio Dias Botelho, 42 anos, era filho de Amir Botelho e Maria Perpétua Dias Botelho e deixa a irmã Kelly.

Era  sócio proprietário da Clínica SOS Intensimed Assistência Médica S/S LTDA, médico nefrologista do Hospital das Forças Armadas e professor coordenador na disciplina da Universidade Católica de Brasília, com experiência na área de Medicina, com ênfase em Clinica médica e Nefrologia.

O sepultamento deverá ocorrer na próxima semana em Patrocínio (MG), a sua terra natal.

fonte: Patrocinioonline.