Powered by WP Bannerize

Justiça na Escola inicia a terceira etapa com série de palestras e debates nas escolas

Publicado em: 18/05/2016
 

Ascom/Patrocínio.

 

Após as Audiências Públicas realizadas no mês de abril com pais e responsáveis, professores e estudantes, o programa Justiça na Escola inicia sua terceira etapa com uma séria de debates, palestras e reuniões nos próximos 40 dias.

A terceira etapa do ‘Justiça na Escola’ – que teve início no dia 12 de maio – irá levar para 9 escolas e cerca de mil alunos, centenas de pais, e dezenas de educadores da rede pública de ensino palestras com temas diversos, entre eles: Deveres e Responsabilidades; Valorização do ser humano e respeito ao próximo; Fortalecendo o conhecimento científico e resgatando o mérito do professor como princípio para o exercício da cidadania (Indisciplina); Deveres e Direitos do aluno, O compromisso com os estudos e o respeito à figura do professor. (Clique aqui, e veja a programação)

Os temas abordam os principais problemas enfrentados nas escolas e no seio familiar que refletem diretamente nas atitudes do presente e no futuro da criança e do adolescente.

ProCEVE

Ao perceber a angústia vivida pelos profissionais da educação, que muitas vezes não sabem como lidar com esses problemas e com os pais dos alunos, que têm delegado àqueles a tarefa de educar, nasceu o programa Justiça na Escola, idealizado pelo juiz da Vara Criminal e da Infância e da Juventude de Patrocínio, Serlon Silva Santos, em 2014.

O programa

Segundo explica o juiz da Vara Criminal e da Infância e da Juventude de Patrocínio, Serlon Silva Santos, o objetivo do programaJustiça na Escola é de conscientizar professores, alunos e seus pais e responsáveis sobre os caminhos para exercer seus direitos e a importância de cumprir seus deveres, informando a estrutura e o funcionamento do Poder Judiciário, do Ministério Público, da Defensoria Pública e dos demais serviços jurisdicionais. “Aproximando o Judiciário, as instituições de ensino, a família e toda a sociedade pretendemos construir um ambiente coeso e preparado para o combate e a prevenção dos problemas que afetam crianças e adolescentes, como uso de drogas, bullying, violência, evasão escolar e doenças sexualmente transmissíveis, dentre outros”, reforçou Dr. Serlon Silva Santos.

Desde sua implantação, o magistrado já promoveu diversos encontros e reuniões com representantes de vários segmentos da sociedade patrocinense e Poderes, Executivo e Legislativo.

Algumas presenças notáveis também engrandeceram e fortaleceram o Justiça na Escola como as palestras do Procurador da República Guilherme Zanina Schelb; as assembléias públicas conduzidas pelo Promotor da 27ª Promotoria da Infância e da Juventude de Campo Grande (MS), Sérgio Harfouche, oportunidade em que foi apresentado o Programa de Conciliação para Prevenir a Evasão e a Violência Escolar (ProCEVE), protagonizado por ele em seu estado.

Justiça na Escola

 

ProCEVE

Parceiros: Com o início da terceira etapa, o Justiça na Escola continua sua caminhada na busca de uma sociedade de valores sólidos e justos.

O programa já conta com a parceria do TJMG, Prefeitura Municipal, Câmara de Vereadores, Superintendência Regional de Ensino (SRE), CIAAP, Polícia Militar, Projeto Renascença, Unicerp, IFTM e Consep (Conselho Segurança Pública de Patrocínio).

Seja também mais um parceiro nessa jornada.

 

ProCEVE

 

ProCEVE