Powered by WP Bannerize

Governador entrega ônibus e Patos de Minas ganha Batalhão dos Bombeiros e Samu Regional

Publicado em: 13/06/2018
 

Na solenidade, Pimentel assinou a transformação da Companhia dos Bombeiros em Batalhão e garantiu o funcionamento do SAMU Regional.

 

Patos de Minas recebeu na tarde desta terça-feira (12) o Governador do estado Fernando Pimentel. O chefe do executivo do estado veio até a Capital do Milho entregar 150 ônibus para diversos municípios mineiros. Na solenidade, Pimentel assinou a transformação da Companhia dos Bombeiros em Batalhão e garantiu o funcionamento do SAMU Regional.

 

A solenidade começou por volta das 17h00 em frente à Cidade Administrativa. Fernando Pimentel veio acompanhado do Secretário Estadual de Educação. Com cerca de 1 hora de atraso, o governador entregou os 150 ônibus escolares para mais de 80 prefeitos de diversas cidades mineiras. Patos de Minas ficou com dois ônibus, podendo ganhar outros 2 veículos.

E Patos de Minas teve duas grandes conquistas. O sonho de ver a Companhia dos Bombeiros transformada em batalhão foi realizado. A transformação vai garantir um número maior de profissionais no município, além de receber mais recursos para ampliação e modernização da estrutura. O governador destacou o melhor atendimento à população.

 

Outra conquista foi a Assinatura do SAMU Regional que vai beneficiar além de Patos de Minas outros 32 municípios. A primeira reunião aconteceu ainda em 2014 e a expectativa era de que começasse a funcionar em 18 meses. A sede do Samu Regional ficará de onde funcionava o Mini Hospital na Avenida Marabá, sendo que a base do serviço deve continuar no Hospital Universitário do Unipam. Mais ambulâncias e mais profissionais devem ser contratados.

O Prefeito José Eustáquio Rodrigues Alves fez outro pedido para o governador: a Canalização do restante do Córrego do Monjolo. O Governador acenou positivamente pela demanda, mas durante a solenidade ele criticou a falta de repasses do Governo Federal. Segundo ele, a União está com uma dívida de R$8,5 bilhões com Minas Gerais.

 

O Governador ainda defendeu o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva argumentando que sua prisão é injusta. Após a solenidade, o Pimentel e sua comitiva se dirigirão para o Decorfest, onde será entregue a Comenda Antônio Secundino de São José, adiada por causa da greve dos caminhoneiros.

(Patoshoje)