Encontrado corpo de policial que se afogou durante abordagem a pescadores no Rio Indaiá

Publicado em: 03/11/2014
 

O corpo do sargento da Polícia Militar de Meio Ambiente, Roberto Carlos Morais, de 38 anos, foi encontrado por volta de 0h de domingo (02) nas águas do Rio Indaiá, na Fazenda Revolto, no município de Tiros. O militar estava em serviço e fazia uma abordagem a pescadores, quando tentou atravessar o rio, mas passou mal e foi levado pela correnteza. O policial deixa esposa e três filhos.

Segundo informações da 10ª Companhia de Meio Ambiente e Trânsito da Polícia Militar, o sargento Roberto trabalhava com mais dois policiais no combate a pesca predatória no Rio Indaiá, quando tentou atravessar o rio a nado para surpreender pescadores que estavam do outro lado. Os colegas disseram que ele passou mal durante a travessia e chegou a pedir socorro aos colegas, mas foi rapidamente levado pela correnteza do rio.

O fato aconteceu por volta de 15h30 deste sábado (01).  O Corpo de Bombeiros de Patos de Minas, além de policiais militares de Tiros, Matutina e São Gotardo, deram início às buscas pelo sargento, que só terminou às 0h de domingo (02).

O sargento Roberto deixa a esposa e três filhos. O corpo dele foi levado para o Instituto Médico Legal – IML de Patos de Minas e depois liberado aos familiares. O corpo de Roberto será velado na cidade de Tiros.