Powered by WP Bannerize

É seguro fazer um clareamento dental?

Publicado em: 18/12/2017
 

Após uma década de pesquisas, métodos clareadores provaram-se seguros e eficazes. Vários produtos disponíveis hoje no mercado não apresentaram reações adversas em dentes ou gengiva após longos testes clínicos e laboratoriais. Na hora de realizar seu clareamento, tenha a certeza de procurar produtos clinicamente testados, siga as instruções e consulte um profissional da área odontológica.

 

No passado, as concentrações de ingredientes clareadores mais altas, utilizadas em consultório, resultavam em maior sensibilidade. Entretanto, com os géis clareadores atuais, a sensibilidade não é mais um problema. Ela pode ocorrer após os procedimentos de clareamento, especialmente quando os indivíduos comem alimentos quentes ou frios, mas normalmente ela diminui após 48 horas e cessa completamente com o final do tratamento.

 

Caso você tenha sensibilidade, existem várias maneiras de ajudar a eliminá-la:

•Caso esteja usando um aplicador de moldeira, use por um tempo mais curto;

•escove os dentes com creme dental para dentes sensíveis;

•peça um produto com flúor a seu dentista, pois a substância auxilia na remineralizarão dos dentes;

•interrompa o clareamento de seus dentes por alguns dias para permitir que eles se adaptem a esse processo;

 

Em alguns casos, seu dentista poderá desestimulá-lo a clarear os dentes:

•Se você tiver doença da gengiva, dentes com esmalte desgastado, cáries ou dentes sensíveis em particular;

•se você estiver grávida ou amamentando;

•se você tem coroas da cor do dente ou qualquer outro tipo de restaurações nos seus dentes frontais e que não podem ser clareados.