Depois de atirarem em desafeto rapazes trocam tiros com a PM e perseguição termina em acidente

Publicado em: 27/09/2016
 

Em Patrocínio/MG, no dia 26 de Setembro de 2016, por volta das 00h31min, a Polícia Militar foi acionada e compareceu a um comércio (lanchonete e boliche), onde a vítima, R. S. R., 21 anos, o qual relatou que havia encerrado seu expediente e estava retornando para casa, quando ao passar pela Avenida Juscelino Kubitschek, foi abordado pelos autores, G. H. B., 22 anos e M. A. F., 32 anos, os quais estavam em uma motocicleta Honda CB250 Twister. O autor, G. H. B., saltou da garupa da motocicleta e de posse de uma arma de fogo efetuou três disparos contra a vítima, porém a vítima não foi alvejada, sendo esta que correu de volta para o boliche, relatando o ocorrido ao proprietário e funcionários que ainda estavam no local, tendo eles se trancado no estabelecimento e acionado a Polícia Militar.

Os autores retornaram ao boliche, certamente com o intuito de concluir o crime, contudo se depararam com as viaturas da Polícia Militar que já se encontravam no local, momento em que empreenderam fuga em alta velocidade. Foi então iniciada a perseguição dos autores pelas viaturas da ROCCA e CPU, por várias ruas da cidade, sendo que o autor G. H. B., passageiro da motocicleta, efetuou disparos de arma de fogo contra as viaturas.

Revidando a agressão, os militares da ROCCA efetuaram alguns disparos de arma de fogo contra os autores, entretanto ninguém foi alvejado. Chegando ao cruzamento da Rua Benedito Romão de Melo com a Rua Maestro José Carlos, os autores perderam o controle direcional da motocicleta, vindo a caírem ao solo, momento em que a viatura da ROCCA acabou se chocando contra a motocicleta.

Em ato contínuo, o autor, M. A. F., condutor da motocicleta, foi imediatamente contido e preso em flagrante delito, e o autor, G. H. B., evadiu, sendo este capturado alguns metros do local, o qual se encontrava de posse de uma Pistola calibre .380, carregada e municiada com três cartuchos intactos.

A viatura da ROCCA, teve danos aparentes na grade dianteira, pára-choque dianteiro e radiador, tendo que ser rebocada pelo guincho credenciado ao pátio do 46º BPM, e a motocicleta teve vários danos e foi apreendida e encaminhada ao pátio do guincho credenciado, conforme ficha de vistoria.

Ao ser questionado, o autor G. H. B., relatou que ele e o M. A. F., são primos da amásia da vítima, e que este a agride constantemente, tendo eles ido até o local com o intuito de acertar as contas com a vítima.

Vítima relatou que tem discussões frequentes com sua amásia, e que em data anterior esta o havia ameaçado, dizendo que iria chamar seus primos para matá-lo, a qual foi localizada negando as acusações, sendo conduzida à Delegacia de Plantão para esclarecimentos.

O autor G. H. B., relatou que adquiriu a Pistola calibre .380 na cidade de Uberlândia/MG, por R$3.000,00 reais.

Em virtude da queda da motocicleta os autores apresentavam escoriações e reclamavam de dores pelo corpo, sendo encaminhados ao Pronto Socorro Municipal onde foram atendidos e medicados pelo médico plantonista.

Os autores foram presos em flagrante delito e conduzidos à Delegacia de Polícia Civil, juntamente com a arma de fogo apreendida.

fonte: patrocinioonline.

foto: divulgaçao