Powered by WP Bannerize

13 de abril – Dia do beijo: os benefícios do beijo para a saúde

Publicado em: 13/04/2018
 

O Dia Internacional do Beijo ou Dia do Beijo é comemorado em 13 de abril.

Esta data homenageia um dos gestos de carinho mais intensos entre os seres humanos: o beijo.

 

Seja entre amigos, familiares ou namorados, o beijo está sempre presente e é uma importante representação humana, principalmente nas sociedades ocidentais, de afeto e carinho.

 

Normalmente, o Dia do Beijo é comemorado entre os casais com muitos beijos. Já os solteiros, costumam celebrar a data beijando seus amigos ou mesmo desconhecidos, em eventos que promovem o chamado “beijo coletivo”.

 

Mensagem para o Dia do Beijo

Para desejar um feliz Dia do Beijo, nada como dedicar frases de beijos:

Quando eu sinto os seus lábios nos meus, tenho a sensação que o mundo para de girar, que os pássaros deixam de voar e que as estrelas ficam a nos admirar… Melhor coisa nesta vida com certeza não há!

 

Seja na bochecha, no cantinho da boca, de “borboleta” ou na testa… Não importante onde seja, o importante é poder te beijar todos os dias.

 

O teu beijo carrega todas as baterias do meu corpo. Dá-me energia para enfrentar os problemas do dia-a-dia. Obrigado!

 

O teu beijo é um artista que deseja todos os dias o sorriso do meu rosto.

 

 

Origem do Dia Internacional do Beijo

Não se sabe ao certo como começou, mas segundo uma lenda italiana, havia um jovem chamado Enrique Porchelo que era conhecido por ter beijado todas as mulheres de sua vila.

 

Cansado de tantos rumores, o padre da pequena vila ofereceu um prêmio em moedas de ouro para a mulher que nunca havia sido beijada pelo jovem italiano. Ninguém apareceu para reclamar o prêmio e, de acordo com a lenda, o tesouro permanece escondido em algum lugar da Itália.

 

Supostamente, a origem desta história remonta o dia 13 de abril de 1882.

 

Curiosidades sobre o Beijo

  • São transmitidas cerca de 250 mil bactérias em cada beijo;
  • O recorde mundial de beijos é do americano Alfred A. E. Wol, que beijou 8.001 pessoas em apenas 8 horas;
  • O rei Henrique VI, em 1439, proibiu todos os tipos de beijos na Inglaterra com a intenção de evitar a proliferação de bactérias;
  • Durante um beijo apaixonado são ativados 29 músculos do corpo;
  • Em média, ao longo da vida, uma pessoa troca 24 mil beijos, entre familiares, amigos e amores.
  • De acordo com textos sânscritos, o primeiro beijo relacionado ao ato sexual que se tem notícia teria sido dado há dois mil anos na Índia.

A origem do Beijo

Alguns cientistas acreditam que a origem do beijo está no olfato.

 

Durante muito tempo, cheirar o rosto da pessoa amada era um sinal de afeto e prazer. O roçar da boca passou a ser consequência dos atos de cheirar o rosto do parceiro, surgindo assim os primeiros beijos.

 

Outra teoria diz que o beijo surgiu a partir de uma experiência de afeto e atenção dos nossos antepassados: a alimentação. Os filhos recebiam dos pais a comida mastigada diretamente na boca. Este ato teria ficado registrado como um símbolo de carinho e amor.

 

Tipos de Beijo

Para celebrar o Dia do Beijo, selecionamos alguns tipos de beijos diferentes para você se divertir:

  • Beijo de língua: a língua faz movimentos para cima e para baixo bem lentamente.
  • Beijo Roubado: aquele que é inesperado, que causa susto, com uma mistura de embaraço e riso.
  • Beijo Animal: agressivo, com mordidas e “ataques vorazes” contra o companheiro.
  • Beijo de “borboleta”: com a ponta do nariz tocando o nariz da outra pessoa.

 

Os incríveis benefícios do beijo para a nossa saúde

Os beijos fazem com que nosso corpo libere hormônios que melhoram nosso ânimo e funcionam como antidepressivos naturais. Eles também dilatam os vasos sanguíneos, e por isso reduzem a dor.

Não deveríamos precisar de motivos para beijar, mas neste artigo daremos ainda mais razões para se beijar e o porquê que beijar é incrivelmente saudável. Sabia que este ato potencializa o sistema imunológico, emagrece, pois acelera nosso metabolismo, ou que ajuda a combater problemas dentários e os sintomas das alergias?

Descubra estas e outras surpreendentes curiosidades que te motivarão ainda mais a beijar com frequência, principalmente quando você entender que, na realidade, o ato de beijar, inclusive, contribui para prolongar a vida.

 

Aumenta a imunidade

Sabia que beijar com frequência nos ajuda a prevenir doenças? E como isso ocorre? Ocorre, pois essa ação movimenta secreções hormonais que contribuem para aumentar as defesas naturais. Além disso, misturar a nossa saliva com a de outra pessoa funcionaria como uma vacina natural, já que nos permitiria imunizarmos suavemente contra seus germes.

 

Reduz a dor

As endorfinas que são geradas no ato de beijar tem a propriedade de atuar como redutora da dor. Isso também é devido à dilatação dos vasos sanguíneos, por isso beijar é altamente recomendável para aquelas pessoas que sofrem frequentemente de dores causadas por todo tipo de doenças inflamatórias como artrites, fibromialgia, fatiga crônica, problemas musculares etc. Inclusive para a enxaqueca!

 

É um antidepressivo

Beijar faz com que o nosso corpo libere oxitocina, o famoso hormônio que faz com que nos sintamos animados, por isso funciona como um antidepressivo natural. Deste ponto de vista, beijar se apresenta como uma excelente alternativa para combater o estresse, tristeza, angústia, depressão, ansiedade etc., e sem a necessidade de tomar remédios.
Além disso, beijar também contribui para criar um ambiente de felicidade nos lares onde os casais se beijam com frequência.

 

Previne problemas cardiovasculares

O estresse que comentávamos no ponto anterior é uma das principais causas das múltiplas doenças, entre elas o colesterol e problemas cardíacos. Por isso, além de ter uma boa alimentação não deveríamos menosprezar a agradável terapia de beijar frequentemente. Além disso, o aumento da frequência cardíaca ajuda a regular a pressão sanguínea.

beso-scatto-felino_segunda imagen

Ajuda a exercitar os músculos

Ao beijar exercitamos até 30 músculos faciais e ativamos a circulação sanguínea. E o que conseguimos com isso? Manter nossa pele firma, suave e jovem. Da mesma maneira que se conhecem os benefícios da auto-massagem facial por suas propriedades antirrugas, recomendamos beijar frequentemente como terapia antienvelhecimento –  melhor que qualquer creme hidratante.

 

Previne problemas dentários

Pode nos surpreender que, segundo estudos, ao beijar passamos para as outras pessoas cerca de 40.000 bactérias inofensivas, as quais são recebidas pelas defesas naturais de nossa saliva.

Beijar estimula a secreção natural da saliva, o qual contribui para que esta se regenere e nos ajude a eliminar partículas e patógenos da boca graças a substâncias desinfetantes que contém. Desta maneira se diminui o ácido que, em longo prazo, é o que causa placa, cáries e todo tipo de problemas dentários. 

 

Acelera o metabolismo e emagrece

Beijar faz com que queimemos calorias, não só pelo movimento, mas também pelas emoções que se desprendem, o qual pode acelerar o batimento cardíaco de 70 a 140 pulsações por minutos. Desta maneira, se acelera o metabolismo e se queimam mais calorias.

 

Melhora a autoestima

A nível emocional, beijar nos faz sentir queridos e nos permite sentir uma parte importante na vida da pessoa a que beijamos. É um ato, que, de acordo a situação das pessoas, nos pode levar a estados de satisfação gerada pelo ato de amar, de compartilhar, de dar e receber.

Alguns consultores inclusive recomendam que cada pessoa possa beijar o seu companheiro(a) antes de ir trabalhar para melhorar a autoestima e que isso se traduza em maior rendimento no trabalho. 

Besos_tercer imagen

Alivia os efeitos das alergias

Durante o ato de beijar se estimula a produção de histamina, o qual alivia e previne o aparecimento dos sintomas que ocasionam as alergias, como os espirros, a congestão ocular e a secreção nasal.

 

Beijar prolonga a vida

Depois de todos estes motivos, não fica dúvida de que beijar prolonga a vida. O único requisito é que os beijos sejam sinceros, que se deem com regularidade e em alguém em quem se confia. 

Imagens por cortesia de scatto felino, jonrawlinson e duckiemonster

(calendarr // melhorcomsaude)